A comunidade

Nossa linha de trabalho

Uma Comunidade Terapêutica é muito mais que um lugar, é um método, um modelo de tratamento específico e especializado na dependência química, cujo principal instrumento terapêutico é a convivência entre os pares.

Um tratamento com base em regime residencial onde sua função é proporcionar um ambiente acolhedor, protegido pela técnica e pela ética, fornecendo o suporte adequado aos usuários abusivos de substâncias psicoativas (SPA).

O período do tratamento é estabelecido de acordo com programa terapêutico adaptado às necessidades de cada caso, oferecendo uma rede de ajuda no processo de recuperação, resgatando a cidadania, buscando encontrar novas possibilidades de reabilitação física e psicológica e de reinserção social.

Somos uma Comunidade Terapêutica especializada na recuperação de dependentes químicos do álcool e das drogas, funcionando na cidade de São José dos Pinhais – PR desde 2014. O tratamento dentro da CTNJ segue uma programação terapêutica elaborada em concordância com o instituído por diversos órgãos especializados na pesquisa e tratamento da dependência do álcool, crack e outras drogas, sendo estes:

Também são utilizados recursos desenvolvidos pelo Dr. Pablo Kurlander, nosso mentor, que atua na recuperação da dependência química do álcool e outras drogas em Comunidades Terapêuticas desde 1995.

Este método se baseia no Programa dos 12 Passos, assim como em princípios extraídos da Psicologia e da Espiritualidade, já que para recuperar um dependente químico apenas a abstinência não basta. Se não houver uma profunda mudança de comportamento, assim como da sua forma de vincular-se socialmente, e também a maneira de enfrentar a realidade, com as suas frustrações e decepções inevitáveis, a verdadeira recuperação não poderá acontecer.

Os dependentes químicos que buscam apenas a abstinência do álcool e das drogas poderão beneficiar-se inicialmente com isto, mas a longo prazo poderão perceber, assim como os seus familiares, que muitos dos comportamentos e atitudes, formas de reagir perante as dificuldades e as contrariedades, permanecem iguais à época de ativa, o que compromete a qualidade de vida do grupo como um todo, e facilita também o processo de recaída.

É o que chamamos de drogado seco.

Por isso, sem uma recuperação profunda e verdadeira, é muito difícil obter um resultado prolongado e satisfatório.

Institucional

Interessado em saber mais?

Venha nos visitar!

Nova Jornada
Atendimento